Pesquisar este blog

sábado, 6 de outubro de 2012

O Corvo e o Jarro

O Corvo e o Jarro


    Um corvo morria de sede e se aproximou de um jarro, que uma vez vira cheio d'água. Mas, desapon-tado, verificou que a água estava tão baixa que ele não podia alcançá-la com o bico. Tentou derramar o jarro mas era impossível: o jarro era pesado demais.

    De repente, viu ali perto um monte de bolas de gude. Apanhou com o bico umas das bolas e jogou dentro do jarro. Depois outra. E outra mais. E outra. E a cada bola que jogava, a água subia. Jogou tantas bolas dentro do jarro que a água subiu até o gargalo. Então o corvo pôde beber.

Moral da História - "Onde a força falha, a inteligência vence."

Até a Próxima!!

Nenhum comentário:

Postar um comentário